domingo, 24 de janeiro de 2016

Sondagem aponta para vitória de Marcelo à primeira volta


VOTOS

ELEITO À PRIMEIRA VOLTA
Marcelo Rebelo de SousaSampaio da NóvoaMarisa MatiasMaria de BelémVitorino SilvaEdgar SilvaPaulo de MoraisHenrique NetoJorge SequeiraCândido Ferreira
54.48%
21.19%
9.53%
4.25%
3.89%
3.49%
1.82%
0.79%
0.29%
0.27%
  • BRANCOS1.23%
  • NULOS0.95%
  • ABSTENÇÃO52,69%53,48% EM 2011

POR CONCELHO

  • FREGUESIAS POR APURAR409
RESULTADOS PROVISÓRIOS FORNECIDOS PELA SECRETARIA-GERAL DO MINISTÉRIO DA ADMINISTRAÇÃO INTERNA – ADMINISTRAÇÃO ELEITORAL
 RESULTADOS COMPLETOS E COMPARAÇÕES COM 2011 

O Inimigo PúblicoA noite eleitoral que podia ter acontecido

 Contas Marteladas

DIÁRIO DE CAMPANHA

24 DE JANEIRO

A falta de condições de acessibilidade de muitas assembleias de voto é um obstáculo, por vezes inultrapassável, para os cidadãos com deficiência ou com mobilidade condicionada. Em Lisboa há uma junta de freguesia que construiu câmaras de voto a pensar naqueles que se deslocam em cadeiras de rodas.

São jovens de 24, de 29 anos. De 41, 44. São novos e vivem afastados política. Nem fingem interessar-se, assumem um total alheamento. Não vão votar neste domingo. Porquê? O que leva alguém a não exercer o seu direito?Marisa Matias pode duplicar votação de Maria de Belém

A candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda surge como a terceira mais votada em todas as projecções.
Marisa Matias votou em Coimbra ADRIANO MIRANDA

TÓPICOS

Não é um dado adquirido, mas todas as projecções apontam para que Marisa Matias consiga um resultado muito superior ao de Maria de Belém.
Nas três previsões avançadas pelos vários órgãos de comunicação social, a candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda alcança, na pior das hipóteses, 8,45%. Por outro lado, a projecção mais favorável dá à ex-presidente do Partido Socialista 5,9%.
A sondagem da Intercampus para o PÚBLICO e TVI dá a Marisa Matias uma percentagem entre 8,8% e 12,4%. O intervalo apontado para Maria de Belém está entre 2,9% e 5,9%, o que faz da candidata a quarta mais votada.
Na contabilidade em directo do Ministério da Administração Interna, com 70% dos votos apurados, Marisa Matias regista uma preferência na ordem dos 9% e Maria de Belém fica-se por pouco mais de 4,2%.
A antiga ministra da Saúde viu a sua campanha afectada pelo caso das subvenções vitalícias. Maria de Belém fez parte de um grupo de 30 deputados que subscreveu o pedido de fiscalização da constitucionalidade de uma norma sobre as subvenções vitalícias inscrita no Orçamento do Estado (OE). A deliberação do Tribunal Constitucional, que determinou a devolução das subvenções, foi conhecida a pouco menos de uma semana das eleições presidenciais.

Marisa Matias à frente de Maria de Belém em sondagem da Intercampus para o PÚBLICO e TVI.



Marcelo Rebelo de Sousa vence as eleições presidenciais à primeira volta, com uma votação entre 50,9% e 55,7%, segundo uma sondagem da Intercampus para o PÚBLICO e TVI feita neste domingo junto aos locais de voto.
Já Sampaio da Nóvoa ficará entre os 19,3% e os 23,3%. Marisa Matias, apoiada pelo Bloco de Esquerda, conseguirá entre 8,8% e 12,4.
Maria de Belém obterá uma votação entre 2,9% e 5,9%. Já Edgar Silva, apoiado pelo PCP, conseguirá entre 1,9 e 4,9.
Os restantes cinco candidatos recolhem entre 5,5% e 8,5%.

Ficha técnica

Sondagem Intercampus para PÚBLICO-TVI realizada no dia 24 de Janeiro de 2016, com o objectivo de identificar o resultado da votação para as eleições presidenciais em 2016.
Universo constituído por eleitores que participaram no acto eleitoral. Com recolha através de simulação de voto em urna, a amostra é constituída por 15.481 entrevistas, recolhidas em 17 freguesias de Portugal continental. O erro de amostragem, para um intervalo de confiança de 95%, é de mais ou menos 0,78%.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.